Quando Isaac Asimov brincou de prever 2019 e acertou

Edição Brasil no EL PAÍS Pablo G. Bejerano

No fim de dezembro de 1983, quando faltavam poucos dias para começar o ano que George Orwell escolheu como título de sua asfixiante distopia, o jornal canadense Toronto Star propôs a Isaac Asimov, já um escritor de sucesso de ficção científica, prever o futuro. Escolheu 2019 não por acaso. Era um salto à frente de 35 anos. Um salto parecido ao que era preciso dar para trás para chegar a 1949, o ano de publicação de 1984.

Seguir leyendo.

, , , , , , , , , , ,

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

%d bloggers like this:
Read previous post:
La tercera camiseta de la 19-20 es otro un guiño a lo clásico

La web Footyheadlines ha filtrado el que será el azul de la camiseta: azul fuerte que recuerda a las segundas...

Close