Um robô como antídoto contra a solidão dos idosos

Se chama Zora e é um humanoide de última geração. Sua missão é cuidar dos idosos. Custa 68.000 reais e está em hospitais do mundo todo. Passamos alguns dias com ele em um lar de idosos na França em que se transformou no melhor amigo dos pacientes

“Doença mental materna é associada a ser ‘uma mãe ruim”

Psicólogos apontam para riscos dos preconceitos em torno dos transtornos relacionados ao período. Uma em cada cinco mulheres experimenta transtorno do estado de ânimo na gravidez ou maternidade